terça-feira, 21 de agosto de 2007

Comentários econômicos de alguém sem gabarito para tanto

Já que o assunto é Economia... De uns tempos para cá, venho tentando investir na bolsa. Mas, por enquanto, deixei de lado, já que tenho outras prioridades e também acho que não é o melhor momento. Não que eu tenha grande quantia para investir e ficar rico com o rendimento na famigerada bolsa. Pelo contrário. O meu objetivo principal mesmo era me informar sobre esse assunto, ver qual é dessa tal de bolsa, que põe a estabilidade econômica do mundo em risco, para, então, quando tiver algo significativo, já estar por dentro e ganhar algum com ela. Confesso que sou leigo em Economia, passo ao largo deste caderno na seção do jornal, ao contrário do Dan, minha fonte de descarrego é Esportes mesmo... Mas, enfim, como futuro jornalista que sou e como dizem que os jornalistas têm de saber um pouco de tudo... Pelo que pude constatar a bolsa e os fundos de investimento são a boa, desde que, claro, você saiba operar. Mas caso não saiba existem corretoras e os próprios gerentes do banco podem lhe auxiliar nessa empreitada. Por exemplo, na poupança, o valor que você tem depositado gera algo em torno de 1% ao mês. Já se você investir num fundo de investimento, como o da Petrobras ou da Vale, que são os mais seguros, rende algo em torno de 5%, 6% (não é por aí, Rafinha?). Bem, toda essa introdução foi para chegar ao ponto que me motivou a escrever esse texto. Se meus cálculos acima estiverem corretos, investir na bolsa é, definitivamente, lucrativo. Mas, o que faz com que certas pessoas invistam e outras não é a informação. Informação, sem qualquer carga de preconceito, é característico das pessoas mais abastadas financeiramente, principalmente quando o assunto é Economia. Portanto, a bolsa de valores, a meu ver, é um dos grandes fatores da desigualdade social e de renda do país, quiçá, do mundo. Enquanto uns, os mais informados (não por acaso os ricos) ganham cada vez mais dinheiro com esses investimentos, as classes mais baixas vêem seu dinheiro rendendo 1% na poupança (quando conseguem algum para investir). Ou seja, a proporção entre a progressão com que o dinheiro de uma classe e outra aumenta é absolutamente...desigual. Mas, como diz o título, esses são meros...

Júlio

6 comentários:

rafael disse...

MT BOA POSTAGEM!!! mas vale lembrar que se a poupança desse 1% eu tb estava lá.. mentira não estaria... mas não teria tanto rancor dela... que me lembro bem..e olha que sou jovem...foi confiscada pelo nosso super "collor" o cara do troço roxo!
Mas tb digo que os ricos não recebem só 5% das ações, pelo meu grande amigo julio aqui citadas...elas rendem mt mais que isso... só depende de vc..mas se vc não sabe como depender só de si mesmo...lhe digo que sem fazer nada, mas nada mesmo ... por exemplo na vale do rio doce... vc comprando ela nessa mesma data que estamos agora só que no ano passado, vc já teria seu patrimônio aumentando em 74,98%... ta bom? eu acho ótimo... a maioria das pessoas tem medo de perder o pouco que tem... mas antes de ter medo procure se informar, pq medo eu tenho é de burrice. pq se vc tivesse investido 1000 reais em 1998...hj vc teria seu apartamento teria seu carro... vc sabia? concerteza não...mas vc continua sabendo que na bolsa vc perde tudo... mas na verdade fique sabendo que vc não sabe é de nada ... vc apenas repete o mesmo que vc ouviu sempre por aí... e oq esta aí esta errado!!! e Vc claro, é o mais errado de todos...pq mesmo sem saber fala!!! parabéns jegue.

júlio parabéns pelo texto...está ótimo!!! aos poucos as pessoas vão aprendendo a ser informar e quem sabe aí ...nos seremos o país do futuro!

rafael disse...

um link para ajudar a explicar a gfalera algumas coisas... quem se interessar acesse: http://web.infomoney.com.br/templates/news/view.asp?path=/suasfinancas/&codigo=776403

um grande abraço e fique com deus!

Carol Luisa disse...

Aeeeeeeee!Voltei a pentelhar vcs!!!

Essas postagens mais recentes,q delícia.Estão cada vez melhores=D

Bjins=**********
Ah!Agora as bolsas se recuperaram do susto...menos os bolsos.

bili disse...

De economia eu entendo, e muito bem por sinal. Sei que se todo mês eu economizar R$ 100 do meu salário, seja na poupança seja naqueles porquinhos de barro, ao final do ano terei um rico dinheirinho para fazer uma viagem bem gorda. É isso. O resto, por enquanto, para mim, é o resto.
Perdoem a franqueza.

rafael disse...

perdoem a ignorância!

Anônimo disse...

hahahahah da braba......